Mamoru Nakashima (PSDB) é alvo de nova investigação, agora por desvio de alimentos

Tribunal de Justiça apura “eventual fornecimento de alimentos a entidade presidida por sua esposa”, Joerly Nakashima. Foto: Divulgação
Por Renan Xavier do Jornal Gazeta Regional
 
O TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) instaurou anteontem (4) um novo inquérito policial criminal contra o prefeito de Itaquaquecetuba, Mamoru Nakashima (PSDB). O processo, que já corre em segunda instância, está nas mãos do desembargador Nelson Fonseca Junior. Dessa vez, o tucano é investigado por desviar alimentos do Banco de Alimentos Municipal. A Justiça apura também se o tucano forneceu os recursos a uma entidade presidida pela sua esposa, Joerly Nakashima.
 
Com o andamento do processo, Mamoru torna-se um dos prefeitos mais investigados da história do Alto Tietê. Ele é alvo de procedimento investigatório do Ministério Público, que recentemente conseguiu sua quebra de sigilo bancário, fiscal e telefônico, e do TJ-SP. O tucano também aguarda confirmação da cassação de seu mandato, determinado pelo juiz eleitoral Marcos Augusto Barbosa dos Reis, no mês passado.
 
Quem quiser confirmar o processo, pode acessar o portal do Tribunal de Justiça (www.tjsp.jus.br) e consultar o inquérito de número 0033590-75.2017.8.26.0000.

Comentários no Facebook