Teatro Municipal de Poá recebe “Fantasterror”

Foi finalizada na noite desta terça-feira (31) a programação do Poácine, no Teatro Municipal, com a atividade denominada “Fantasterror”, que contou com a participação de 250 pessoas e teve sorteio de brindes. No último dia 26 já havia acontecido a Mostra Livre de Cinema, que reuniu aproximadamente 300 crianças e jovens. O evento foi organizado pela Associação Rede Cinema, Sacine Filmes, Rosa Dourada Filmes, Aquilaturis Produções, Ângulo Produções e Secretaria de Cultura.

O Poácine contou com a exibição de filmes produzidos no Brasil, em especial na região do Alto Tietê e chegou a Poá por iniciativa da empresa Ângulo Produções, que buscava atrair para cidade um evento de cinema gratuito. “O evento foi um marco na história do cinema brasileiro. Poá entrou no circuito e a semente foi plantada. Agora vamos trabalhar para as vocações na cidade e assim revelar atores, produtores e continuar incentivando a sétima arte, pois saímos do zero”, comentou Adilson Santos, da Ângulo Produções.

Fantasterror 
O 3º Fantasterror aconteceu exatamente no Dia de Halloween, que no Brasil também é conhecido como Dia do Saci. A mostra apresentou filmes de terror que contém narrativas de suspense. Dentre os filmes que estrearam no evento estavam: “Olhos Confusos”, de Pedro Rachid, de apenas 17 anos; “Demônio do Banheiro”, de Peter Gomes; e “A Menina que Amava Filmes”, de Paloma Borghi e Beatriz Woycick. A Secretaria de Cultura ressalta que o evento Poácine veio de encontro à proposta de trazer para Poá ações culturais para acesso gratuito à população.

A organização do Poácine ficou por conta de Edson Sanbernar, Paloma Borghi, Luana Vieira, Tainá Jenny, Lukas Viana, Diego Mardesson, Suellen Saruzy, Wilton Kim, Isabela Martins, Pedro Rachid e Fernaty Akemi. A coordenação geral do evento é de Peter Gomes, Projeto Cultural Ishida, Ângulo Produções e Associação Rede Cinema.


Comentários no Facebook